quarta-feira, novembro 27

Bolo Salgado de Legumes

Tenho uma boa quantidade de livros de culinária e tem tendência para aumentar!
Até posso estar um tempo sem comprar ou oferecerem me algum,mas quando compro tenho sempre uma lista de uns quantos que me conquistaram...

O livro tem de ter certas especificidades que me agradem:
-as fotografias tem de ser apelativas (adoro quando a receita vem acompanhada do resultado final, pois não gosto nada quando leio a receita e tenho de estar a imaginar como vai sair); 
- as receitas práticas ( não gosto de muita elaboração, perco logo a vontade);
- a linguagem simples e clara ( não gosto nada quando usam grandes palavreados);
- receitas diferentes e diversas (acho que já perceberam que gosto de experimentar coisas diferentes do habitual pelo que o livro tem de ter isso mesmo...);
- Ahhhh!!! e o preço simpático (compreendo que os livros tenham um custo alto a quem os produz mas sejamos sinceros,  mesmo que um livro tenha meia dúzia de receitas boazinhas, seja de alguém famoso,e até pode ser uma bíblia de culinária, mas se o preço for de loucos, podem ter a certeza que as vendas não vão ser boas e nessa altura perco o interesse, tem de haver um equilibrio entre a minha carteira e o valor real do livro);

Bem sabemos que é quase impossível gostarmos de todas as receitas que nele vêm, mas também não o vamos comprar porque gostamos de duas ou três, logo apesar de ser louca por livros antes de comprar um tenho a fase do enamoramento, em que leio e folheio milhentas vezes, mas não compro.
Depois volto a folhear e começo a suspirar por me imaginar no sofá a lê-lo, mas não compro.
Depois passo à fase de pensar vezes sem conta naquela receita que me deixou presa, mas não compro.
E chega a fase do tentar que o marido ofereça para ter a desculpa que não sou só eu a comprar os livros.
Mas se a mensagem não é "recebida" por completo, lá vou eu render me ás evidências e lá vou buscar o "bichinho"....
Será que sou só eu assim????
Quero acreditar que não, mas se for...paciência!!!

A receita de hoje vem de um livro que passou pelas fases todas, excepto a da mensagem encriptada para o marido, pois a whislist do Natal está mais que enviada....
O livro "Deliciosa Cristina" é recente, da apresentadora de televisão da TVI, e se bem sabia que ela gostava de comer, fiquei também a saber que sabe cozinhar e o livro espelha isso mesmo...
Receitas simples, práticas, com fotografias apelativas e um preço bem simpático...
Em suma, my kind of book!!!! 



Bolo Salgado de Legumes
do livro "Deliciosa Cristina", pág. 106

Tempo de preparação: 1h20m
Para crianças: sim
Vegetariano:sim
Ingrediente principal: Vegetais

1 curgete pequena
1 cenoura
150 gr de feijão verde
1/2 pimento encarnado (usei pimento doce)
5 ovos (separar gemas de claras)
200 gr de manteiga amolecida
300 gr de farinha
1 c. chá de fermento em pó
Sal e pimenta q.b

  • Cortar todos os legumes em pedacinhos pequenos.
  • Cozer a cenoura e o feijão verde em água e sal durante 5 minutos.
  • Depois colocar a curgete e o pimento por mais 3 minutos a cozer.
  • Escorrer e reservar para que arrefeçam.
  • Ligar o forno a 180ºc e preparar uma forma de bolo inglês, untando e enfarinhando ( ou com spray desmoldante).
  • Com a batedeira eléctrica, bater durante 5 minutos a manteiga.
  • Adicionar as gemas uma a uma, batendo bem entre cada uma.
  • Deitar a farinha com o fermento, uma pitada de sal e a pimenta.
  • Envolver tudo muito bem.
  • Juntar os legumes frios e escorridos e envolver na massa.
  • Bater as claras em castelo firme e depois acrescentar à mistura em movimentos delicados.
  • Deitar na forma e levar ao forno por 40 minutos, fazendo o teste do palito para confirmar a cozedura.
  • Deixar arrefecer uns minutos na forma e depois retirar para uma rede metálica.

As fotografias não estão as melhores, eu sei, mas foram tiradas de noite e ainda não comprei uma luz de estúdio para compensar a falta de luz natural...Ser autodidacta com pouco fundo de investimento tem destas coisas....

Bem bom...

17 comentários:

  1. Olá!

    Adorei o bolo! Gosto muito de fazer este tipo de bolos e achei que o teu ficou muito bonito mesmo! Parabéns!

    Também sou assim com os livros. Se pudesse comprava todos, porque todos têm uma receita que me deixa presa, mas como isso não é possível, tento ter aqueles que de uma forma ou de outra me prenderam mesmo a atenção... E o coração!

    Esse que mostras hoje não conheço, mas vou já ver mais informações.

    Bjs

    ResponderEliminar
  2. Olá Rita,

    Pois eu sou como tu, uma enorme lista de livros e alguns que vou comprando nem estão na lista mas quando vou a Fnac lá trago um que nunca vi geralmente em outras línguas.
    Estive com o livro da Cristina na mão mas com todo o respeito não me fascinou, gostos são gostos mas adorei o design do livro isso sim.
    Este é um tipo de sugestão que gosto de levar para um lanche na praia no Verão e ficou com muito bom aspecto.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Que aspecto delicioso...
    http://nacozinhadasonia.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  4. Olá Rita,
    Concordo contigo, em que alguns livros têm um preço excessivamente caro e no fundo nem são assim tão apelativos como isso. Tb tenho imensos livros e a tendência também é aumentar... LOL
    Bjs, Susana
    Nota: Ver os passatempos a decorrer no meu blog:
    http://tertuliadasusy.blogspot.pt/2013/11/1-aniversario.html
    http://tertuliadasusy.blogspot.pt/2013/11/crumble-de-marmelo-com-aveia-e-nozes.html

    ResponderEliminar
  5. E ficou perfeito, gosto imenso destas receitas e este bolinho ficou-me logo debaixo de olho ;)
    Beijinho

    ResponderEliminar
  6. Hummmm...o aspecto é bem apetitoso, gostei mt!

    bjs

    ResponderEliminar
  7. Rita,adoro bolos salgados.Fiz algumas vezes e o meu favorito é de cogumelos.São um ótimo acompanhamento.Nesta combinação não experimentei ainda mas fica muito apelativo.
    bjns

    ResponderEliminar
  8. Ritinha também adoro livros de receitas tenho aos montes, adoro colecioná-los e como vc também gosto de ver as fotos da receita pronta. Me motiva mais a realizar logo a receita. Esse bolo salgado tem tudo o que gosto, e é bem nutritivo e saudável. Ótima sugestão para o Natal. Me ri muito com seu último comentário também não tenho $$$ para comprar o jeito é tirar a luz do dia e quando muito a noite e tentar tirar uma boa foto. Mesmo assim, ficou muito bonita a foto. Beijocas

    ResponderEliminar
  9. Adoro estes bolos salgados! Eu resisto bem a comprar novos livros, até porque com a internet, acho sempre que encontrarei a receita mais tarde ou mais cedo... ;-) Mas continuam a oferecer-me no natal e nos anos, e não digo que não!!!

    ResponderEliminar
  10. Nunca fiz um bolo salgado.
    Gostei do aspecto do teu,e gostei dos ingredientes.
    Tenho a certeza que ia gostar
    bj

    ResponderEliminar
  11. Que excelente sugestão!

    ______________________
    Ana Teles | Telita
    blog: Telita na Cozinha

    ResponderEliminar
  12. Ana Rita, infelizmente, sofro do mesmo mal com a luz das fotografias... só consigo fotografar à noite e, no Inverno, só mesmo com luz artificial! Mas olha, o aspeto do bolinho não engana, mesmo sem luz natural, está naturalmente apetitoso! ;)
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  13. Ok,eu sou mais do género: "Amor quero este livro!" E ele responde logo "Está bem eu dou-te quando puder!" Ah Ah Ah...
    Gostei do bolinho! ;)
    Beijinhos doces.

    ResponderEliminar
  14. Mas que apetitoso, ficou fantástico!
    Uma maneira bem interessante de servir os legumes :)

    ResponderEliminar
  15. Me identifiquei totalmente com suas palavras, tbm sou assim e logo me vejo folheando o livro sentadinha tranquilamente no sofá!rsrsr
    Só que qdo o preço na livraria me assusta, corro p internet e muitas vezes o preço compensa, daí o estrago está feito.
    Adoro esses bolos salgados, são ótimos para o lanche e o seu ficou perfeito.
    Tenha uma ótima tarde.

    ResponderEliminar
  16. Que delicia este teu bolo salgado, Rita! Deve ser muito bom, perfeito para lanchinhos e pic-nics!
    Bjs

    ResponderEliminar

O vosso comentário é sempre bem vindo!Obrigada!
Bjinhos,
Rita