Tarte de Carne

Há alimentos que nos permitem fazer inúmeras receitas e apreciar  refeições diferentes com, apenas um pouco de imaginação. É o caso da carne picada, que permite muitas variações e cada uma melhor que a outra.
Descobri esta tarte e confesso que duvidei se seria uma boa receita, mas confirmo que é óptima e que podemos também variar os ingredientes que colocamos, e assim ir variando dentro da mesma receita.



Tarte de Carne 






Receita adaptada do blog Cabeças de Alho Chocho

500 gr de carne picada (usei porco, mas pode ser metade de vaca e porco)
1 pacote de sopa de cebola instantânea
1 lata de salsichas
1 lata de cogumelos laminados
150 gr de queijo mozarella ralado
2 ovos
Sal
Pimenta
Oregãos q.b


  • Numa tigela misturar a carne com a sopa de cebola , os ovos e os restantes ingredientes, excepto o queijo.
  • Numa travessa, dispor o preparado da carne.
  • Por cima colocar o queijo ralado e levar ao forno por cerca de 20 minutos, até que o queijo gratine e a carne esteja feita.
  • Retirar e polvilhar com um pouco de oregãos.


É uma receita bem rápida, de fácil execução, que pode ser feita num dia em que o horário é apertado...

Bem bom...

Comentários

  1. E fica muito bom amiga, fica uma refeição deliciosa...bjokitas

    ResponderEliminar
  2. Olha eu gostei muito do aspecto.
    Bastante mesmo.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Ficou com uma óptima cor por cima.
    Realmente a carne picada é bastante funcional.
    beijinhos

    ResponderEliminar
  4. Ficou 5* amiga linda e apetitosa, muito apetitosa memso adorei!

    beijinhos

    ResponderEliminar
  5. Olá!

    Fica com um aspecto óptimo! Também tenho uma parecida e sei que é bom, mas assim nunca fiz! Vou experimentar!

    Bjs

    ResponderEliminar
  6. Optima tarte, e eu hoje deixei carne picada a descongelar, ainda sem saber muito bem o que iria fazer.
    Acompanhaste com o quê?
    beijinho

    ResponderEliminar
  7. Rstá com óptimo aspecto, mas só serves assim, sem massa ou arroz?

    ResponderEliminar
  8. Para mim ficou uma maravilha, com esses ingredientes e com o queijinho derretido por cima...perfeita!
    Gostei de tudo e também do facto de ser bem práctica.
    Beijinho!

    ResponderEliminar
  9. Que delícia! Adoraria comer um pedaço agora.
    bjs

    ResponderEliminar
  10. A avaliar pelo aspecto e pelos ingredientes não duvido que seja delicioso.
    Gostei muito desta sugestão.


    http://asvezescozinheira.blogspot.com

    ResponderEliminar
  11. Ritinha, ficou linda a tua tarte...um beijinho.

    ResponderEliminar
  12. Rita
    Já me servia de um bom prato desta tarte, ficou um luxo!!
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  13. De comer e chorar por mais! um aspecto divino, Rita! Beijnhos

    ResponderEliminar
  14. Hummmm....mas que apetitosa refeição Ritinha, realmente vc tem razão a carne moída,permite muitas variações, e esta que vc apresenta parece excelente. Gostei muito...bjos

    ResponderEliminar
  15. Já guardei para fazer...tem mesmo bom aspecto!!!

    Beijocas

    ResponderEliminar
  16. Eu gostei muito do aspecto! Deve ser uma delícia. Mas o que não me sai da cabeça é o bolo swirl do outro dia...hehehe.
    Um beijinho.

    ResponderEliminar
  17. Gosto muito de receitas versáteis assim onde podemos mudar o recheio e ter sempre novos sabores!
    Um abraço
    Léia

    ResponderEliminar
  18. ficou muito boa e com um aspceto delisioso adorei esse douradinho muito bom adorei beijinhos

    ResponderEliminar
  19. Nham...tão bom que deve de ser...adorei a receita e o aspeto.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  20. ADOREI ESSA TARTE ,TÃO UM ASPECTO TÃO BOM...QUE SERIA DIFICIL NÃO REPETIR.
    BJS

    ResponderEliminar
  21. Uma tarte versátil a partir de um ingrediente versátil! O que interessa é ter muita criatividade e mão cheia, que é o caso, e o resultado fica uma delícia!
    beijinhos.

    ResponderEliminar
  22. Bem bom mesmo!
    simples e delicioso, as fotos falam por si, quase que se consegue sentir o cheiro.
    beijocas

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

O vosso comentário é sempre bem vindo!
Obrigada e beijinhos,
Ana Rita