Pipis

Na 3ª feira quando passei pelo talho, o meu filho olhou para a montra e vi lá miudos de galinha.
"Mãe leva pipis! Vá lá, mas com patinhas...!"- diz ele
" ehhhh patinhas não, eu não gosto, leva moelas!" - diz a C.
"Pescoços,pescoços..." - penso eu.
Então disse para o senhor: "Olhe vá pondo no saco que eu digo quando chegar."
Vai uma mão de pescoços, 3 de moelas e 2 de patinhas. Toda a minha gente satisfeita, e eu com o sentido de justiça completado.
Vira-se o T.:" Ah mãe, mas tem de ser como a avó Mena faz!!"
Raio do míudo...Então eu a fazer as vontades e ainda impõe que seja lá como quer...Caneco!
"Ah pois tá bem..." - respondi-lhe
Agora vou ter de fazer os pipis parecidos com os da minha mãe e a pressão ???
Sinceramente...

Pipis

1,5 kg de miudos de galinha (pescoços,patinhas e moelas)*
1 lata de tomate pelado (costumo ter caseiro mas já não havia)
1 cebola
Alhos
Azeite
1/2 copo de vinho branco
Tomilho (pitada)
Oregãos
Noz moscada  (pitada)
Caril (pitada)

  • Arranjar as patinhas, as moelas e os pescoços.
  • Fazer o refogado coma cebola e o azeite na panela de pressão.( uso porque poupa tempo e gás)

  • Deixar alourar a cebola e juntar o tomate.
  • Depois do tomate estar meio desfeito , adicionar o sal, a pimenta,o tomilho, a noz moscada e os oregãos.
  • Por fim acrescentar o vinho branco e deixar ferver.
  • Passar o molho pela varinha mágica e voltar a colocar ao lume.
  • Nesta altura colocasse os miudos e um pouco de água.

  • Tapasse a panela de pressão e deixasse no lume cerca de 30 minutos depois de apitar.
  • Depende da qualidade dos míudos mas por vezes pode ser necessário mais tempo para apurarem.


*nota: Pode acrescentar figados e corações, nesse caso coloque-os apensa depois de as moelas estarem cozidas ou podem desfazer-se...


Acompanhar com: arrozinho branco, batata frita e um pãozinho para molhar...


Bem bom...

Comentários

  1. Eu tb adoro pipis!!
    Agora tenho de fazer, hehe :S
    bjs

    ResponderEliminar
  2. ai mulher, eu gosto tanto disso que tu nem imaginas.
    o molho ficou fantástico.

    ResponderEliminar
  3. Ai que maravilha Rita.
    Adorei,vou comprar para fazer igual.
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  4. Adoro este petisco,fiquei com vontade de voltar a fazer, vou seguir a tua receita, os temperos são um pouco diferentes dos meus.
    Que bom aspecto...
    Beijinhos

    http://cozinhadaduxa.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  5. Que maravilha!
    Vivendo e aprendendo, quantas receitas boas!

    andreaquitutes.blogspot.com/

    bjs,Andréa....

    ResponderEliminar
  6. Eu adoro estes petiscos, fazem uma refeição excelente.

    Beijinho

    ResponderEliminar
  7. "Porque um menino nos nasceu, um filho se nos deu, e o
    principado está sobre os seus ombros, e se chamará o seu
    nome: Maravilhoso, Conselheiro, Deus Forte, Pai da
    Eternidade, Príncipe da Paz" (Isaías 9:6).

    Estamos felizes porque Jesus nasceu para todos nós.
    Comemoramos esta grande bênção não apenas em um dia especial
    de dezembro, mas em todos os dias do ano. Ele nasceu porque
    nos amou e nós O amamos por ter nascido para nos salvar de
    todos os pecados. Glórias a Deus!

    Obrigado Senhor... aceite, como presente, o nosso coração.
    FELIZ NATAL!!!
    Bjs!

    ResponderEliminar
  8. Olá Ana! Vim retribuir os comentários que me tens deixado, muito obrigada pela tua simpatia! Assim aproveito e fico a conhecer também o teu cantinho! Parece muito simpático e muito apetitoso! Esses pipis estão de babar! Também gosto muito! :)
    Beijinhos doces.

    ResponderEliminar
  9. Viva Ana Rita, andando eu a cuscar pelos blogs, encontrei o teu e estes belos pipis rsrsrs. Ai...!!!! quantas vezes eu fiz este prato aí mesmo em S. Luís, onde vivi, ía comprá-los a Vila Nova de Mil Fontes e aquilo era um regalo, o meu marido adorava. Mas agora já á muito que não faço e vim redescobrir a receita através de ti, que coincidências verdade???Um grande beijinho e já fiquei seguidora que isto aqui é só coisas boas ou não fosses tu do Alentejo e Alentejana como eu...

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

O vosso comentário é sempre bem vindo!
Obrigada e beijinhos,
Ana Rita